Os textos desta página integram a mensagem que está sendo dispensada, aos interessados pela Grande Fraternidade Branca e seus ensinamentos, através da OZD - Ordem de Zadkiel. Ela se torna mais completa para aqueles que conhecem o conjunto todo que compõe à mesma Obra, o que inclui a programação da OZD, os livros publicados pela Editora Sétimo Raio e artigos que aparecem em Missão de Saint Germain. Trata-se de uma coleção de valores e ideias, bem como de práticas, que visam ao avanço espiritual e à autorrealização, e os quais precisam ser propagados através do planeta, para que a consciência humana se esclareça ainda mais do que já pode ser esclarecida até este ponto de sua trajetória terrena.

Sugerimos uma incursão mais detalhada através de todos os recursos mencionados nesta introdução, os quais fazem o conjunto em sua íntegra expressar sua lógica e coerência. Afinal, os textos aqui disponibilizados não são mensagens desconexas de um todo, o qual pode ser compreendido com clareza e exatidão por meio do estudo sério e compromissado de todos os demais recursos aos quais eles complementam.

Índice das Publicações da Página


Grande Fraternidade Branca

Arcanjo Miguel

Elementais

Kuan Yin

Chama Violeta

Meditação

Cura Alquímica

Festivais e Reuniões de Shamballa


Outros


Esferas Cocriativas de Cura Alquímica - Princípios Básicos

         Foram muitos os homens e mulheres que, durante sua passagem pela Terra, demonstraram deter o poder de realizar curas milagrosas e de produção de outros tipos de prodígios. Resta-nos a tarefa de codificar os modos de ação dos quais se pode fazer uso a fim de cocriar ações desta natureza. A Era de Aquário é um momento bastante adequado para que determinadas Leis Divinas e suas aplicações sejam plenamente reveladas para a humanidade. Assumimos o encargo de nos fazermos Emissários da Luz que ilumina as mentes e os corações humanos, de modo a propiciar-lhes as facilidades da alma que podem torná-los saudáveis e verdadeiramente felizes.
            Detemos o conhecimento aplicado do uso das energias dos sete raios e de suas 49 subdivisões e, através da manipulação dinâmica de tais forças, temos realizado muitos eventos que têm a finalidade única de orientar a alma humana a restabelecer-se na Sagrada Sabedoria. Queremos proporcionar a todos a oportunidade de, partindo da correta compreensão, tornarem-se aptos a utilizarem os mesmos irradiantes elementos, a fim de cocriarem condições mais adequadas para sua evolução espiritual. Resta encontrarmos a concatenação de raciocínios mais adequada para, por meio de palavras escritas e faladas, atingirmos as suas percepções.


            Comecemos pensando as articulações que existem entre os sete raios em si, por meio da interseção de suas subdivisões. Para que haja a perfeita compreensão deste aspecto da prática alquímica que queremos divulgar, faz-se importante que a pessoa humana entenda o que são exatamente os raios. Pois vejam que a cada pensamento que emitem, assim como a cada emoção que desenvolvem ou ações que realizam, estão manipulando-os. A interação entre qualquer um destes componentes de suas vidas, pensamentos, sentimentos ou ações, compõe-se, na verdade, de um conjunto de manipulações de energias em diferentes condições vibratórias.
            Tais manipulações são realizadas pelos indivíduos que pensam, sentem e agem, bem como por aqueles indivíduos com os quais os primeiros travam contato. Pensamentos atuam sobre pensamentos, e também sobre sentimentos e ações, e vice-versa. Isso acontece no âmbito pessoal, interno àquele que pensa, sente e age, bem como nas suas relações com as outras pessoas. Importa dizer que todas estas interações consistem em dinâmicas modificações de configurações de elementos e esta dinâmica é em si a ação dos raios.
            Compreendam os raios como forças resultantes das interações que ocorrem entre almas e entre elas e suas esferas de ação. Enquanto se articula uma modificação de uma maneira de pensar de determinada pessoa, sob influência de outro ser pensante qualquer, as interações que ocorrem entre as múltiplas subdivisões dos corpos de ambas, e que compõem as modificações em si, compreendem raios em ação. Em se tratando de atuação de um pensamento sobre outro, há forte predomínio da manipulação de energias do raio rosa que estará envolvida. No entanto, se a intervenção do pensamento de uma pessoa sobre o de outra está realizando uma reformulação curativa dos raciocínios, que possivelmente refletirá sobre a saúde psicológica e corporal da mesma, então está havendo interseção do raio rosa com o verde.
            Percebem que os raios não são independentes das interações que desenvolvem nas relações que estabelecem com seus semelhantes e com as esferas que os contêm? Sendo assim, para que aprendam a manipular os raios e suas propriedades, terão de apreender o significado prático desta revelação que lhes estamos fazendo. Comecem a analisar as suas próprias ações e seus elementos constituintes e, através do conhecimento que já detenham dos raios e suas subdivisões, percebam como os mesmos podem ser manipulados através de sua vontade consciente.
            Obviamente que só se tornarão aptos a realizar grandes transformações em suas vidas, e na de outras pessoas que desejem ajudar, quando concretizarem a ação de todos os sete raios, segundo a lógica a partir da qual eles se manifestam. Esta lógica contém, além das interações entre pensamentos, sentimentos e ações, também as influências superiores de causação, precipitação e transmutação. Para acessá-las, as interações do quarto raio, as quais se realizam através de manipulações que envolvem as intuições, devem ser também realizadas.
            A causação, quando idealizada pela pessoa individualmente, tem âmbito limitado de ação. No entanto, quando ela envolve esferas de cocriação coletivas, pode ter forte poder de precipitação e transmutação. A manipulação das causas é extremamente científica, e aquele que participa das interações dinâmicas do quinto raio deve estar plenamente consciente das Leis Divinas que se aplicam na concretização de efeitos da aplicação de tal Ciência Superior. Qualquer modificação da ordem das configurações de pensamentos, sentimentos e ações ou corpos físicos envolve a causação.
            Da mesma forma, a manipulação destas últimas configurações integra a ação sobre a causação. Sempre que se cocriam manipulações no nível das causas, articulam-se interações através da atuação do raio verde. Para ilustrar este princípio, vamos imaginar alguém que esteja tentando curar-se de um problema físico qualquer, em contato com uma congregação de Trabalhadores da Sagrada Hoste. Esta pessoa terá de alinhar seus pensamentos com os dos Servidores que a assistirão e, neste caso, haverá manipulação do raio rosa, na interação direta entre os pensamentos.


            A fim de conquistar-se a cura desejada, terá de haver interação dos pensamentos com a ciência que realiza a mudança das causas. Temos aqui uma interação do raio rosa com o verde, a partir da qual podem resultar novos pensamentos da pessoa que está tentando ser curada e de seus assistentes. As mudanças se referem a alterações das causas realizadas a partir do impulso do raio azul que conduziu os interessados ao limiar das tentativas de buscar solução para o problema apontado. Das interações entre os pensamentos, sentimentos e atitude física de aceitação com a manipulação da causa do problema que se quer curar, resultará uma conformação de elementos diferentes da que deu origem ao impulso. Temos aqui a interseção dos raios azul, amarelo-dourado, rosa e verde.
            A mudança obtida precipitará outro conjunto de corpos, emoções e raciocínios, na interseção dos mesmos três raios básicos com o vermelho, enquanto a transmutação em si se dará na interseção com o raio violeta. É preciso compreender os raios e suas subdivisões e o que estes elementos representam na lógica do funcionamento do organismo humano e do seu conjunto de corpos sutis. Portanto, vamos tentar recapitular algumas lições a respeito das atribuições daqueles componentes da existência com os quais travamos contato constante e dinamicamente. Desejamos desenvolver aqui as bases de uma Ciência Curativa da Nova Era, a qual independe de instrumentos cirúrgicos materiais ou medicamentos produzidos pela indústria química farmacêutica. Passemos a abordar os mecanismos dos quais todos podem fazer uso conscientemente a fim de curar os seus semelhantes e a si mesmo.

                                         (Mestre Hilarion)

Esta mensagem foi obtida por sintonização, através do Sacerdócio Dirigente da Ordem de Zadkiel. Quem desejar usar de seu conteúdo, por favor, citar sua fonte de origem, o que inclui a menção a este blog, disponível em http://shamballaeagrandefraternidadebranca.blogspot.com.br.


Uma Mensagem de Amor e de Paz


(*) Doada pelo Mestre Saint Germain, durante o Festival da Colheita do Reino Humano de 2014

               O tempo linear transcorre de maneira, às vezes, tortuosa, de modo que aqueles que o experimentam nem ao menos tentam se relacionar com mais amistosidade para com a vida que lhes pertence. Desta forma, as pessoas se ressentem do que está nos seus meios, porque há violência e caos a cada instante. Porém, deve-se atentar para o fato que, em geral, é especificamente quem detém da oportunidade de se ver confrontando-se com o que não pode mais se sustentar, devido à imprecisão e incoerência do que se vive com relação ao que se pretende viver, que precisa começar a movimentar-se em direção à mudança. Ninguém mais pode solucionar o que pertence a cada um, segundo suas propensões, as quais se expressam enquanto este que existe se mantém entre as demais almas do mundo. Inclusive, nem há necessidade de se lamentar quando, perante algum tipo de insatisfação, aquele que se pensa perturbado deixa de se controlar, para apenas permitir-se, contrariado, a se ensimesmar em seu universo pessoal.
               Só existe paz na vida quando quem deseja viver sereno e feliz não se permite influenciar-se pelas irregularidades da mente ao ponto de atingir eventuais ou frequentes momentos de descontrole das emoções, os quais sejam suficientes para destruir a paz dos outros. A mente inquieta e insegura somente permite haver buscas superficiais de conhecimento, de forma que não se faz eficaz para adaptar-se às circunstâncias que continuamente renovam suas possibilidades de avanço em evolução espiritual. Quando eu falo de inquietação e insegurança, estou mencionando estados de consciência bem comuns entre as pessoas que estão compondo a sociedade deste planeta no momento em que direciono minha atenção para este foco de esperança que é a vida humana na Terra.
               Portanto, que se faça a paz dentro de cada um, partindo da destruição de tudo o que não faz a mente serenar e que, sendo assim, induzirá o indivíduo a perder-se em inquietações que se acrescentam umas às outras continuamente. Para que ela esteja bem instalada no coração, há de haver interrupção do que perturba e/ou comove em excesso. Faz-se necessário que cada pessoa se observe e se manipule sempre, sem medo de desenvolver autocrítica, pois, será ela (a autocrítica) que permitirá que quem deseja voltar-se para a Luz do mundo assim o faça, alterando sua própria sorte e assistindo aos demais, conforme suas boas predisposições. Pensem sobre o que isto significa, desde um ponto de vista prático, já que estão vivendo a experiência do campo material e de um estado de consciência que, apesar de todo potencial que ele oferece para que haja espiritualidade profunda na vida, ainda promove até mesmo guerras e destruição de diferentes tipos.
               Se pretenderem compreender o que é de fato o amor, é bem provável que comecem a se estabelecer em um tipo de vida diferente do que a maioria está preferindo viver. Afirmo com convicção que todo aquele que eleva seus pensamentos, a fim de explorar outras opções de atitudes existenciais além da que predomina nos seus meios, irá descobrir muitas habilidades dentro de si, as quais permanecem resguardadas porque, na sociedade em que estão, elas se encontram em desuso. Mesmo a aptidão de doar amor incondicionalmente está entre as tendências que a humanidade tem, mas, que, porém, encontra-se destituída de espaço para expressão. O que se dizer da doação sem limites da vida pessoal ao Serviço em Devoção à Fonte deste Amor? É bem fácil compreender que tudo no mundo do pensamento linear e das predisposições emocionais tendenciosas vem se tornando superficial e sem significado.
               Muitos são os que escrevem, por exemplo, mas, poucos dentre estes escrevem as verdades que emancipam à alma. Como saber quais são as mesmas? Libertando-se das imposições da mente condicionada ao mundo material, a qual sempre se satisfaz pensando em consumo de bens e serviços, em doenças e adoecimento, em desfrute dos órgãos dos sentidos, dentre outros temas que não irão ajudar a alma a se aproximar mais das demais pessoas com as quais convive neste mundo. Temas que emancipam são aqueles que promovem: a não-violência e o respeito pela vida de todas as espécies; a melhor distribuição do que poderia se tornar supérfluo caso o egoísmo fosse a única expressão da vida pessoal; a paz e o amor, enfim, dentre tantas outras qualidades que precisam abundar na Terra para que ela mude de fato e a vida se transforme em manancial de Luz para todos.
               Desejo que suas buscas sejam sempre frutíferas e que seus cultivos sejam bastante produtivos, no entanto, quero que lembrem que tais buscas e cultivos devem sempre estar baseados no significado espiritual de suas existências. Jamais se esqueçam de fazer o bem até mesmo através dos menores detalhes de seus afazeres, pois, assim acostumarão com o ato de doar liberdade para os demais também. Sim, porque sempre que decidem cuidar para que suas atitudes sejam transparentes e leves, isentas de intenções maliciosas e puras, estarão, de alguma forma, lançando para os universos suas intenções de amarem e, portanto, virão a ser amados também. Sempre que decidirem distribuir amor, serão beneficiados pela paz que resulta de tal opção. Experimentem viver uma vida melhor, plena de satisfação causada pela revelação da vida que somente a espiritualidade que se aprofunda pode lhes fazer ver.
               Doo-lhes esta mensagem, com a intenção de inspirar aos corações a renderem-se ao que existe de mais puro dentro de vocês, a essência do amor e a quietude, o que lhes pode oferecer toda a paz que se faz necessária para que vivam com autocontrole total e destituídos de muitos dos problemas que afligem a humanidade desta época. Doo-lhes um pouco de otimismo, o que está em mim funcionando como um elo que tenho para inspirar-lhes a amarem à vida, pois, ela é um poderoso instrumento de aprendizagem de liberdade. Espero que cada qual que ler a tais frases escritas se faça acessível para compreender o que lhe cabe, a fim de, por meio de tal compreensão, também doar otimismo e consideração pelo bem-estar do mundo e das pessoas que o fazem se movimentar. Que tudo se faça pacífico em suas vidas, tornando-os repletos de amor, para que se sintam livres e satisfeitos com o que a vida tem a lhes oferecer.


                                Saint Germain (29/11/2014)

Esta mensagem foi obtida por sintonização, através do Sacerdócio Dirigente da Ordem de Zadkiel. Quem desejar usar de seu conteúdo, por favor, citar sua fonte de origem, o que inclui a menção a este blog, disponível em http://shamballaeagrandefraternidadebranca.blogspot.com.br

Reconstrução dos Ensinamentos p/ a Era de Aquário


Muito do que já se pensa saber a respeito da Era que agora começa a se intensificar, certamente, haverá de se reformular. É fácil perceber que existe uma grande miscelânea de ideias sendo propagadas, de diferentes maneiras, através de múltiplos canais de comunicação, em nome da Grande Fraternidade Branca. Compreenda-se, no entanto, que tais lições estão sendo escritas e difundidas de acordo com as possibilidades das inúmeras mentes que, de alguma maneira, desejam contribuir com o nosso trabalho. Nunca haveríamos de negar a tais Voluntários da Luz a oportunidade de realizarem um tipo de Serviço que lhes enaltecerá a alma.


                Porém, deve estar claro para todos que pretendemos reorganizar os Ensinamentos, amplificando os conteúdos e re-estruturando os raciocínios que queremos difundir nesta Nova Era planetária. Portanto, estamos fortemente empenhados em prepararmo-nos, mais diretamente, como arautos das mensagens que, pessoalmente, haveremos de propagar. Desta forma, vimos organizando aos modos de propagação, bem como ao formato dos Ensinamentos, que nós mesmos teremos de manifestar entre as mentes que se encontram experimentando a vida física na Terra. O que quero dizer com isso é que, atualmente, nos ocupamos de dispor, na forma escrita, aos Ensinamentos mais adequados para a consciência aquariana, porém, direcionando os conteúdos para a implantação de um novo sentimento religioso, e não apenas esotérico.
                Sabemos que muitos dos que já são adeptos de alguma escola de esoterismo ou congregação de misticismo vêm colecionando textos e conjuntos de significados que estão contidos nos textos escritos por fontes diversas. Por estarmos experimentando o uníssono de um Grande Pensamento, o qual obtemos da integração plena com a Mente Absoluta de Deus, podemos, ao observá-los, desde esta percepção mais ampla que temos, verificar que muitos dos conteúdos que tentam encaixar, provenientes de diferentes fontes de instrução e de propagação, não são convergentes. Há inúmeras discrepâncias entre ensinamentos, de diferentes escolas, congregações ou canais de comunicação, as quais muitas pessoas têm tentado colar umas às outras, buscando por uma coerência que será impossível encontrar entre tais distintas fontes.
                O resultado desta miscelânea de ideias diferentes não poderia ser mais bizarro do que está sendo, o que tem causado muita incompreensão das Supremas Leis e, infelizmente, a manutenção do estado de limitação em que a grande maioria se encontra, e que se deve exatamente ao desconhecimento do que de fato faz-se necessário conhecer. Sugiro o uso redobrado do discernimento, meus amados, para que se protejam ao máximo deste que é um mecanismo classicamente pertencente a esta Era dentro do ciclo de Eras que compõem a história de um planeta. Na Era de Aquário, as percepções sutis das pessoas tendem a se intensificar e muitos começam a perceber aspectos das Leis Cósmicas e Divinas, porém, na ausência de um forte autojulgamento, desde seus primeiros vislumbres, já decidem difundir aos seus supostos entendimentos. Sendo assim, acabam enganando-se em alguns julgamentos e propagando aos seus enganos.
                Quero aqui deixar expresso que a Grande Fraternidade Branca, esta Hierarquia de Luz, está trabalhando com a organização dos conteúdos que precisam ser propagados para a mente humana deste momento planetário. Estamos traduzindo os raciocínios superiores em conjuntos de obras literárias que estão lhes sendo endereçadas com o intuito de organizar aos Ensinamentos, ordenando-os e dando maior sentido ao que eles contêm. Em breve perceberão por si mesmos onde se encontra o principal Foco de difusão de tais ordenações, por conta da quantidade e da qualidade dos escritos que lhes atingirão às percepções. Mas, desde já desejo que direcionem suas atenções à Obra que desenvolvemos através da Ordem de Zadkiel, na cidade do Rio de Janeiro, a qual será o Berço da Nova Era.


                Através deste canal, que vem sendo criteriosamente preparado e constantemente aprimorado, o Cálice da Chama Trina Dirigente do sétimo raio está se deixando transbordar. Sejam sinceros com vocês mesmos, a fim de, através de suas buscas, deixarem-se absorver por mais tempo em torno destes Ensinamentos que, com carinho e exatidão, queremos lhes oferecer através dos escritos e dos programas públicos que lhes disponibilizamos por meio desta estrutura interdimensional que se manifesta no meio físico-material da cidade do Rio. Se preciso for, eliminem o que não faz mais sentido porque deixou de ser efetivo na causação de transformações nas suas vidas, mesmo que isso signifique abrir mão de alguma antiga religião ou escola de esoterismo ou congregação de misticismo. Estamos abertos para a vinda daqueles que nos ajudarão na propagação dos novos e organizados Ensinamentos, os quais, mais favoráveis para a mente humana da Era de Aquário, lhes guiarão através de trajetórias que lhes garantirão maior avanço espiritual e sucesso nas suas vidas materiais. Estejam entre nós, e nos beneficiaremos reciprocamente, co-criando a Luz que transmutará o mundo das pessoas da Terra.



                               Saint Germain

Esta mensagem foi obtida por sintonização, através do Sacerdócio Dirigente da Ordem de Zadkiel. Quem desejar usar de seu conteúdo, por favor, citar sua fonte de origem, o que inclui a menção a este blog, disponível em http://shamballaeagrandefraternidadebranca.blogspot.com.br

Mensagem e Invocação ao Arcanjo Samuel


Amado Arcanjo que concede o Amor
Amado Arcanjo de tal rósea cor
Samuel (3X)

Da liberdade que se doa, daquilo que se faz
Da cumplicidade que se forma, a partir do que se sente
Da igualdade que se conquista, por meio do que se pensa

Amado Arcanjo que conduz à Paz
Amado Arcanjo que me satisfaz
Samuel (3X)

Da Divindade que se manifesta, através do que se reluz
Da oportunidade que se abre, quando se liberta a mente
Da saciedade que se cultiva, em torno do que se produz

Amado Arcanjo (3X)
Samuel (3X)

                Quero falar-lhes sobre o Amor, este sentimento cujo nome em si é tão sublime, que apenas por pronunciá-lo alguém pode sentir-se amando ou amado. Porque a palavra Amor contém todo seu significado e ao dizê-la quem a pronuncia fala o que ela significa através do som que ela produz. Pode-se sentir seu conteúdo no âmago do coração, porque todos sabem o que é o Verdadeiro Amor, mesmo que as circunstâncias eventualmente possam causar o provisório esquecimento de tal Eterno significado. Lembremos o que tanto nos inspira enquanto buscamos por aqueles com quem possamos reciprocar das peculiaridades que somente ele, o Amor, pode nos causar. Muitos são os que buscam por isso, sem saber ao certo o que estão procurando encontrar e, por esse motivo, não conseguem o localizar.
                O mundo do ser humano que se encontra vivendo aos momentos em que a materialidade predomina nem sempre oferece espaço para que tão sublimado sentimento possa se manifestar. Então as intrigas se alastram e, como consequência, o ódio e o rancor dominam a mente e o coração, ambos sintomas de uma sociedade que não perdoa. E a falta de habilidade de perdoar acontece porque a maledicência está minando a capacidade de compreender ao próximo e de perceber ao que cada um pode doar de si para que o mundo se torne um pouco melhor. Grandes aglomerações de seres humanos cultivam em seus meios às sementes da discórdia e nem ao menos se preocupam com seus próprios bem-estar, deixando-se conduzir por raciocínios perturbados e por emoções em desequilíbrio. O efeito mais claro disso tudo é a ausência de laços fraternais entre as pessoas e de clareza de intenções de uns para com os outros. Na falta de condições favoráveis para que o Amor aflore, tendências egoístas e desinteressadas do bem comum predominam.
                Vamos dar espaço para que outra conformação se faça e para que ela se propague entre as mentes, atuando sobre as emoções. Façamos tudo o que estiver aos nossos alcances para que as viciosas precariedades dos mundos onde os propósitos materialistas estão em condição de dominância possam ser enfim reavaliadas. Estejamos unidos para que tudo o que seja necessário fazer seja feito de modo a co-criarmos à transcendência das limitações que estão fazendo a humanidade se acreditar tão densamente situada na vida meramente físico-material. Precisamos nos empenhar mais fortemente para que muitos sejam os que virão a despertar para este outro mundo que está prestes a desabrochar. Doemos Amor e Compaixão, Perdão e Compreensão a todas as criaturas, todas elas, sem exceção, para que a vida se modifique através do que nós estamos empenhados em oferecer para que isto se realize.
                Proporcionemos uns aos outros o que gostamos de experimentar nós mesmos, esta é uma ideia que deve se entranhar em seus universos pessoais. Porque gostam de ser amados, devem também amar, e porque preferem viver uma vida pacífica e harmônica, haverão de aos outros ofertaram somente a paz e a harmonia que conseguirem resgatar de dentro de vocês mesmos. Há um mundo muito complexo a ser redescoberto nos seus íntimos e, partindo das redescobertas que poderão fazer, traduzam-se aos universos que lhes são externos de modo a fazerem com que seus brilhos iluminem aos mesmos. Não sejam mais agentes da escuridão, que mantém a existência distanciada da Fonte de toda a Luz. Estejam na contracorrente que resiste à materialidade se preciso for, e libertem-se de antigos grilhões que os mantinham presos a existências sem Luz e sem Amor, proporcionando mais Luz e mais Amor também para o mundo das outras pessoas.


                                               Arcanjo Samuel

Esta mensagem foi obtida por sintonização, através do Sacerdócio Dirigente da Ordem de Zadkiel. Quem desejar usar de seu conteúdo, por favor, citar sua fonte de origem, o que inclui a menção a este blog, disponível em http://shamballaeagrandefraternidadebranca.blogspot.com.br

Invocação e Mensagem do Arcanjo Uriel




Apelo ao teu manto, Arcanjo Uriel
Procuro o abrigo que me ofereces

Invoco à tua aura, Arcanjo Uriel
Apelo ao teu nome e à tua Luz

Procuro teu brilho, Arcanjo Uriel
Aceito a Glória que me forneces

Ouço tuas palavras, Arcanjo Uriel
Invoco o teu ser, que é quem me conduz

Arcanjo Uriel
Onde estás é o Céu e tua presença é pura esperança
Onde moras é Eterno, o lugar da bem-aventurança
Arcanjo Uriel (3X)

                A mente que se articula conforme o que lhe é inspirado a partir das influências que lhes chegam desde as esferas superiores, onde a Luz predomina, esta certamente estará se favorecendo, porque,  ao doar-se ao Poder do que pode transformá-la, purificando suas ideias e valores, ela se faz mais lúcida e seu poder co-criativo se amplia. Nada lhe escapa à percepção, enquanto houver a Luz da Razão, que está além do mero raciocínio condicionado pela esfera secular da vida que corre nos dias comuns das pessoas, as quais não se percebem ao deixarem-se levar pela correnteza da materialidade. Ela se aprofundará nas suas descobertas, e estas não permitirão mais que haja a inércia e a apatia, de modo que tal mente se revigorará infinitamente e para sempre, porque para ela a vida para sempre durará.
                Livre das amarras do raciocínio que faz com que muitos se acreditem atrelados a pequenos espaços da realidade e a curtos lapsos do tempo, esta mente que deseja se libertar, e se liberta porque assim o deseja, somente tende a avançar, cumprindo com seu compromisso de ampliar à Luz que irradia através de si mesma. Sua Luz iluminará muitos outros seres que necessitam do que ela pode doar, e a cada doação, mais avanço haverá, de modo que, persistentemente, este Foco de Amor pela liberdade se ampliará. Continua e infindavelmente, aquele que assim se entende, consegue se manter aliado do que o faz compreender-se melhor, e porque se entende seus conteúdos se fazem mais nítidos para si mesmo. Sua nitidez íntima causa aos demais a saudável sensação de que tal pessoa pode enfim ajudar a quem por ele(a) se deixa cativar.
                Tenham fé e plena certeza de que quando houverem atingido um estágio de consciência onde não mais haverá dor nem sofrimento, condenando-os à insatisfação e à aflição, terão conquistado o direito de estarem livres também para adquirir este tipo de liberdade de expressão. Mostrar-se-ão favoráveis a tudo o que os fizer ainda mais serenos e propensos a serenar a mente das outras pessoas, pois não desejarão mais perturbar à paz, mas sim cultivá-la, privilegiando tudo o que possa abrir espaços para que haja harmonia e felicidade duradouros. Estarão plenos de amor para doar e de saúde a oferecer, pois nada mais lhes importunará por estarem completamente absortos na Divina Promessa que um dia souberam que haveriam de descobrir, de modo a saborearem do néctar da gratidão que lhes fará saciados da Glória de Deus.
                Absorvam-se desde já em apenas aquilo que seja de alguma forma desejável para intensificar suas propensões à vida espiritual. Estejam compenetrados em todas as formas de ações e em cada uma das atitudes que lhes fazem mais próximos das Sagradas Palavras e das Eternas Lições que os Santos do mundo os estão oferecendo. Vocês os conhecem, porque observam suas obras e a maneira como eles agem em favor da humanidade e da sua aproximação de tudo o que é Eterno e consagrado à Luz. Vocês sabem reconhece-los pelo teor de suas ideias e o valor de suas realizações e, portanto, busquem-nos persistentemente. E enquanto os buscam, tomem suas próprias atitudes de purificação, para que ao encontra-los tenham livre acesso às Moradas onde eles irão recebe-los. Tais Moradas lhes preencherão da sublime Graça que a Glória dos Céus pode lhes oferecer, então não deixem mais o tempo passar sem que saibam rumar em direção à esta Suprema Luz que pode definitivamente os libertar.


                                               Arcanjo Uriel


Esta mensagem foi obtida por sintonização, através do Sacerdócio Dirigente da Ordem de Zadkiel. Quem desejar usar de seu conteúdo, por favor, citar sua fonte de origem, o que inclui a menção a este blog, disponível em http://shamballaeagrandefraternidadebranca.blogspot.com.br

Congregações de Luz e Fraternidade


Sempre temos realizado o que, a partir da percepção mental/astral do ser humano que se encontra na esfera física terrena, se percebem como eventos aos quais se dá a denominação de festivais. Alguns preferem empregar do calendário ocidental a fim de demarcar as datas nas quais determinadas de tais celebrações da Hierarquia Planetária são realizadas, no entanto, as configurações astrológicas e lunares que o calendário védico demarca são muito mais precisas no que se refere às convergências de energias e inteligências que caracterizam estas congregações. Estando sob a influência do Festival da Lua de Áries, segundo a conformação delimitada pela percepção védica, venho experimentando de momentos de extrema satisfação, e quero expressar algumas ideias que me são inspiradas a partir deste estado de espírito.
                Congregações de Luz e de Fraternidade são necessárias para que reforcemos elos de amor e de reciprocidade. A unicidade que se faz enquanto inteligências ascensionadas se encontram, intercambiando respeito e afeição, causa o afloramento de compreensões que podem direcionar reflexões profundas e importantes direcionamentos dos raciocínios. O sentimento de cumplicidade e de complementaridade que se mostra às percepções sutis de todos intensifica o impulso de se unir, para juntos proporcionarmo-nos de tais momentos de conforto e de fortalecimento dos laços de co-criação. Há uma clareza das intenções e uma sensação de emancipação que nos preenche enquanto nos confraternizamos, celebrando a algum momento específico, em torno de um significado que nos orienta, dando contorno ao que desejamos manifestar.
                A sensação de emancipação permanece ao longo de todos os fluxos de pulsação que compõem focos de convergências mais intensas das inteligências co-criativas, e a relação que há entre tais focos é o próprio uníssono do evento em si. Seria impraticável que eu tentasse descrever a que sensação estou me referindo, pois ela só pode ser compreendida a partir da experiência direta de seus conteúdos. Cada um desenvolve uma maneira, que lhe é peculiar, de travar contato com a liberdade de estar dentro e interiorizado a alguma de tais congregações. Basta dizer que a alegria que as pessoas da Terra sentem quando se encontram a fim de confraternizar em torno de determinadas ocasiões que consideram especiais nada tem a ver com esta sensação que estou querendo mencionar.
                E ela é importante de ser considerada porque envolve interações sutis entre seres que não se enganam nem deixam enganar-se por envolvimento com falsas emoções, porque se tratam estes elementos que estou mencionando de consciências ascensionadas, as quais se relacionam entre si e com Deus (o Supremo Hari). De tais envolvimentos perfeitos emergem os sentimentos sublimes e que não podem ser descritos através das palavras das quais o raciocínio linear humano usualmente emprega para se comunicar. Mas, pretendo ao menos dar-lhes nem que seja uma vaga ideia do que significa estar envolto e preenchido de tais superiores emanações. A mente superior não vaga enquanto a consciência se deixa absorver por tais eventos de congregação. Se não fosse assim não haveria de existir este tipo de experiência, porque a dispersão da atenção, como ocorre na esfera mental das pessoas que comumente habitam o ambiente físico terreno, romperia com a cadeia de interações contínuas a qual gera a unidade de um campo vibratório uníssono responsável pelas mesmas sensações de emancipação só sentida por aqueles que compõem a tal unidade vibratória.
                Somos uma Grande Fraternidade e os laços que nos fortalecem intensificam nossos sentimentos de amor para com todas as almas que existem, porque os mesmos laços são nos transferidos a partir da Mente e do Coração do Supremo Doador de tais laços. Sentimos as influências de Sua misericordiosa ação, através da qual recebemos a oportunidade de nos percebermos como individualidades que se mantém individualizadas, embora conscientes da relação que temos com Ele, que é a nossa Suprema Fonte. Tal misericórdia nos permite experimentarmos das mais elevadas interações amorosas com o Criador, e elas são nos oferecidas para que possamos experimentá-las. Por amor recebemos a oportunidade de reciprocarmos a tão elevado sentimento, e com amor doamo-nos uns aos outros, a fim de intensificarmos continuamente à mesma reciprocidade.
                São estas as principais influências que se podem obter dos eventos que caracterizam à convergência das atenções das mentes ascensionadas em Shamballa. Além do que, cada acontecimento em particular tem algum significado dentro do Propósito Maior que nos direciona a realizarmos às mesmas congregações. No caso específico do Festival da Lua Cheia de Áries, ele está impregnado das energias do raio azul do nosso amado Senhor Maitreya, o qual, ocupando o cargo de Buda da Evolução, envolve o planeta de seu impulso para a mudança e para a renovação. Rendamos graças a tal impulso, porque ele se faz excessivamente necessário neste momento em que se pretende dar outra conformação à consciência da humanidade. Desejo a todos que as influências de nossa Congregação de Luz e de Fraternidade lhes alcancem às percepções sutis, preenchendo-os das mais sublimadas emoções e de fé e convicção no poder da união e do amor.

                                               Saint Germain

Esta mensagem foi obtida por sintonização, através do Sacerdócio Dirigente da Ordem de Zadkiel. Quem desejar usar de seu conteúdo, por favor, citar sua fonte de origem, o que inclui a menção a este blog, disponível em http://shamballaeagrandefraternidadebranca.blogspot.com.br